6.12.10

EraOdito

Quem sabe o que dizer e como dizer.
Consegue colocar qualquer pesssoa nó céu.
Mesmo que esta não queira estar no céu, às vezes queira mesmo é estar no inferno abraçando o capeta.
Mas isso é por hora irrelevante.

30.11.10

Se meu travesseiro falasse

Dormindo cedo eu sonho mais.
Mas eu e meu travesseiro não temos nos entendido muito bem nos últimos tempos... de manhã tudo em paz, mas o travesseiro.. esse aí, sabe toda a verdade.. escuta meus sonhos todas as noites… ah.. se ele falasse.

23.11.10

Penas do Tiê

Vocês já viram
Lá da mata a cantoria
Da passarada, quando vai anoitecer
E já ouviram o canto triste da araponga
Anunciando que na terra vai chover
Já experimentaram guabiraba bem madura
Já viram as tardes quando vai anoitecer
E já sentiram das planícies orvalhadas
O cheiro doce das frutinhas muçambê
Pois meu amor tem um pouquinho disso tudo
Que tem na boca a cor das penas do tiê
Quando ele canta os passarinhos ficam mudos
Sabe quem é o amor ?
Ele é você, você, você ...

Folclore (Adaptação de Fagner)
do disco "Manera Frufru"

16.11.10

Como um quebra-cabeça

Se o quebra-cabeça estiver sempre completo, que graça tem?!
Estamos sempre sendo moldados, perdemos partes, adquirimos partes novas, e enfim temos que renascer e continuar a caminhada.
Despedaçado é ruim eu sei. A pecinha que pula…ela parece ser importante pra você. O fato de ela não pular mais, deve lhe trazer uma tristeza imensa.


Sabe, tem pessoas em nossas vidas, que por mais que a gente queira que elas fiquem, elas simplesmente não podem ficar. O que nós devemos fazer é aprender a aceitar isso.

E olha, sem vingança quanto aos inteiros…eu nem estou inteirinho da silva, mas mesmo assim…vingança é tão…infantil.

9.11.10

Menina morena

Preciso devolver seu livro.
Tanta poesia, cor e sentimento juntos, fiquei fascinado.
Preciso contar as velhas novidades, agora recheadas de paz e tranquilidade.
Preciso matar essa saudade.

27.10.10

Pra quê tanto céu, pra quê tanto mar…

O que impediu de tornar-me um biólogo?? Tenho muito tempo nesta vida, posso dar várias guinadas. Esta é a real diferença que dobra o tempo e a sua sensação desagradável para a maioria das pessoas.
O fato é que sempre confiei mais na natureza, não porque conheço tudo sobre ela, mas pela espiritualidade que ela rabisca no meu coração, sabe às vezes acho a espécie humana tão perdida em seu artíficios, tentando copiar o que o universo já fez, faz e continua fazendo ao redor do tempo, os humanos pensam a todo tempo que o universo é um objeto para seu benefício pessoal. Esta parte da humanidade nunca quis ter em min.
Prefeiro ser condutor de Tao do que ser conduzido por esta parte da humanidade.
Tenho natureza pessimista às vezes. Acho que entro muito de cabeça nas coisas. E, de vez em quando, quebro a cara e daí entro de cabeça (one more time) na tristeza devido a decepção.
Me lembro quando eu assistia Disneylândia aos domingos de manhã e ouvia o Grilo Falante dizendo em música algo do tipo "se você prestar atenção ao redor, os problemas são bolhas de ar". Claro que tento ver as coisas assim, mas nem sempre consigo. Meu espírito fraqueja em muitos desafios. Mas, atualmente trato de levantar a cabeça. De tudo o que passou, vi que não era o culpado.
Não tenho vergonha de ter amado. Escolhi a pessoa errada pra oferecer minha alma, foi isso.
Outro dia nasce e outro passarinho vem à janela. Nada melhor apreciar a natureza que explode na nossa cara sem notarmos, discordando do Tom Jobim quando perguntava "pra quê tanto céu, pra quê tanto mar…" Mas a tristeza nos deixa cegos. Outra coisa sem preço é a ajuda valiosa do bom da natureza humana: a amizade.
Também podemos melhorar só depende de nossa essência ou condição própria de ser

19.10.10

Efeito dominó

Cantam as almas nas alturas

No brilho de quem foge da vida

Seguram-se pela vozes do tempo

Tempo que parte sem saida

Depois foge o vento

Capaz de levantar telhados

Onde se esconde amordaçado

O Homem de uma vida

Vida de infernos e agonias

Dos tempos de criança

Lá longe uma cotovia

Cruza o céu em rodopio

Tentando uma presa

E cala o seu pio

14.10.10

Os bambas da Portela


Dia desses assisti o documentário O Mistério do Samba. Retrata o cotidiano, as histórias e os sambistas de Oswaldo Cruz, bairro da zona norte do Rio de Janeiro onde está a comunidade da Portela. Dirigido por Lula Buarque de Hollanda e Carolina Jabor e idealizado e apresentado por Marisa Monte.
O longa comove ao apresentar os encontros e rodas de samba e ao resgatar composições dos anos 1940 e 1950 ainda não gravadas.
Os passos miúdos dos veteranos e suas memórias emocionam até quem é doente do pé, como eu.
Esta aí a dica.

8.10.10

Pensar fora do quadrado



De médico tenho um pouco,
Sou pouco,
cientista nem pensar.
Eu penso e começo a viajar.

6.10.10

phd em curiosidades e bizarrices


Isso não é beijo. É medida profilática.

1.10.10

Herói dos quadrinhos

Sou fã e colecionador das Aventuras de Tintim, um dos maiores heróis das HQs dos anos 80.
Existe até o momento aproximadamente 24 volumes que imortalizou o topete, a coragem e a honestidade do repórter Tintim, do belga Hergé.
Tintim e seu inseparável cachorro Milu e os amigos capitão Haddock e o professor Girassol, já estiveram num sequestro de avião na Austrália, acharam múmias no Peru, salvaram um rei dos Bálcãs e enquadraram diversos vilões pelo mundo.
Hergé criou o personagem para o suplemento juvenil Petit Vingtième, do jornal Vingtième Siècle, em 1929.
No País dos Sovietes, Tintim e Alfa-Arte, Tintim e os Pícaros, Voo 714 para Sidney, fazem parte da minha coleção. Pretendo possuir os outros 20 títulos.

29.9.10

Das lembranças

Quando me assombro
nessas úmidas noites
sem lua
uma prece me mantém são:
a lembrança de uma mulher nua

20.9.10

Eu, robô

Sentimentos humanos ainda são uma fonte de misterios para mim, entretando posso sentir uma estranha corrente de fuga em minhas trilhas positrônicas, cujo efeito foram alguns choques em minha rede neural.

16.9.10

Sem conteúdo

Há histórias sem começo,
que pulam direto paro o meio,
que vão para o fim.
Outras começam pelo meio,
vão para o fim e
voltam para o começo.
E ainda tem aquelas
que só tem começo, e
param por aí.
Enfim.

14.9.10

Culpa do feio

Por que essa eterna via de mão única?

Alguém pode vir na contramão?

Que saco! socorro, preciso de inspiração!

8.9.10

Meus versos

Vento é movimento, é força e mudança.
A vela do meu barco me leva aonde quero.
De popa, bombordo ou boreste.
Se de proa eu orco…

5.9.10

Apocalipse



Contra as moscas praguejaste:
Renascerás não um leão - uma barata - um chinelo : t'esmagará

8.4.09

Sem pódio de chegada ou beijo de namorada

É impossível agradar a todos. Imagine-se como um jogador de futebol, quando ganha a partida, seu time vibra. Mas a torcida adversária fica triste. Portanto, procuro agradar aos que me querem bem, pois eles verdadeiramente torcem pelo meu sucesso.

Dias sim, dias não
eu vou sobrevivendo
sem um arranhão
da caridade
de quem me detesta.

E se a gente levasse a vida com mais humor?
Talvez, a gente descobrisse um jeito mais leve de se relacionar com quem está à nossa volta. Reparando menos nas chatices e mais nos pequenos prazeres.
Abrindo um pouco mais o sorriso. Nem que seja para rir de si mesmo...

Nas noites de frio
é melhor nem nascer
Nas de calor, se escolhe:
é matar ou morrer
E assim nos tornamos brasileiros

ESTOU DERRETENDO. A gíria veio dos morros do Rio de Janeiro, mas já
passeia
pelo mundo dos paulistanos. Foi assim com "babado" por exemplo.
Essa expressão não tem ligação direta com o uso de drogas, embora signifique
estou louco de vontade".
Eu uso assim: "Estou derretendo para dançar
naquele clube hoje à noite.
Vamos derreter?

30.3.09

Sem pé nem cabeça e de perna curta!

Sabe como começou essa crença popular de contar mentiras e "zoar" com os outros no dia 1º de abril? Nem eu.

Seu Yancy, famoso pescador e caçador, não cansava de contar suas proezas. Certa feita, como sempre no bar do português Antônio, Yancy começou a contar:
- A cobra era das mais venenosas; o tamanho do animar dava quatro vorta no meu corpo e ainda sobrava rabo. Daí eu peguei a espingarda e mirei, mirei bem no meio da testa da bicha e então...
- Telefone pro sinhô, seu Yancy.
Ele sai, atende à ligação e, quando volta, pergunta logo:
- Onde mesmo é que eu estava?
Alguém responde que mirando bem no meio da cabeça do animal.
- Pois bem - continua Yancy - mirei bem no meio dos óio do animar e disparei. Sartô pena pra tudo que foi lado. Deixei a franguinha depenada de um só tiro.
Seu Antonio intervém:
- Ô, seu Yancy, ma não era uma cobra?
-Era uma cobra dos outro mundo, das outra época em que cobra tinha pena.
- E eu que não sabia que cobra tinha pena...
- Não tem mais memo. Só tinha sobrado essa que eu extintei pra sempre.

20.3.09

Playing For Changer

O premiado documentário "Playing For Change: Peace Trough Music", reuniu 37 músicos do mundo todo e fizeram a cover de Stand By Me. O DVD será lançado em Abril deste ano
O movimento Playing For Change ajuda construir escolas, conectar estudantes e inspirar comunidades necessitadas através de música. A mensagem do Playing For Change tem enorme significado no mundo atual, porque a música, une, pacifica e relaxa a alma humana. Trabalhos como o desse pessoal deve ser apoiado e divulgado no mundo todo. É uma forma de focar a energia e atenção naquilo que queremos para o mundo; paz, fraternidade e respeito pelo próximo.
Paz através da música. Veja como fica lindo quando há união entre os povos.

15.2.09

From hell

Recebi esse meme from hell, mais conhecido como "meme dos segredos",da Amiga Lêda Maria do blog DIZ AÍ,achei legal a brincadeira e por isso resolvi responder.

A baixo estão alguns dos segredos (que na verdade são micos que já passei), como diz o meme From hell que traduzido significa do inferno, resolvi participar porque na verdade são coisas que quando lembro da vontade de enfiar a cabeça no chão.

1.Eu já compus algumas músicas, e também já fiz uma música para minha namorada no aniversário dela. Acho que ela gostou.

2.Já assaltei a carteira do meu pai, mas no final do mês eu devolvi tudinho.

3.Uma vez pintei minha unha de vermelho, mas foi para ir a uma festa a fantasia.

4.Na festa de um amigo eu estava dançando super animado quando pisei na saia de uma menina e ela caiu.

5.Meus amigos estavam bolando uma festa-surpresa para uma garota. Sem querer, eu deixei escapar que ia comer bolo na casa dela no dia seguinte...

6.Escolhi um presente bem baratinho para um amigo secreto, mas na hora de embalar esqueci de tirar a preço. tem coisa mais chata que isso?

E para não ficar sozinho nessa, passo para alguns amigos: Sarah, Laura, Tatiana, Bia, Rubens, Valéria

* Para participar é só desabafar 06 segredos sem culpa e se possível, repassar para os amigos.

10.2.09

Agroshopping

Uma ideia...
Não vai sobrar um só grão para contar história.

5.2.09

Tá vindo de onde, tá indo pra onde?

"Transitar é abrir caminho para a vida acontecer"


Você passa por mim e nem me olha
Ou até olha, mas finge não me ver
Fazer o que?
Um rio de carros separa nossas calçadas
Por entre as faixas, táxis e pedestres
O meu olhar te busca, mas se perde de você.


Quantas vezes já vimos uma cena parecida com a do poeminha aí de cima.
E se deu sorte, é até capaz de ter vivido uma situação parecida. Sorte, sim, porque nada como um rosto bonito para colorir um dia de tédio.
Mas, deixando o papo de paquera de lado, para os olhares que deram certo e para os que se perderam, hoje eu me dei conta do quanto o simples ato de sair de casa e ir a faculdade, ao shopping mais próximo, ao encontro com os amigos, tem importância enorme em nossas vidas. Muita coisa pode acontecer no ato corriqueiro de sair para rua. Uma vida inteira pode mudar em um simples passeio.
A mudança pode ser boa se, de repente, aparecer uma surpresa pelo caminho. Como um amigo perdido no tempo que você reencontra subitamente numa esquina. Ou pela janela do carro que passa por você. Às vezes, o passado volta na faixa contrária!
Mas mudança pode ser ruim se, por uma razão qualquer, alguém à frente de um volante resolve fazer de conta que a pista é só dele, de mais ninguém. Por algum mistério insondável, tem gente que acha que o pedal do acelerador foi feito para descarregar raiva ou frustação. E o resultado pode ser ruim. Não só para essa pessoa, mas também para quem cruzar seu caminho naquele momento de descontrole, foi isso o que vi hoje e essa cena jamais sairá da minha cabeça, foi muito triste!
Ma será que o mistério é tão insondável assim?
Na verdade, esse tipo de atitude tem explicação. Infelizmente, no trânsito de hoje em dia, ainda existem pessoas que pensam que o trânsito é uma corrida contra o tempo, uma guerra, um transtorno, principalmente numa cidade como São Paulo.
Tem jeito mais esperto de passar por aqui e seguir em frente,
sem deixar que o amanhã se perca de repente.


4.2.09

Selo da proximidade

Recebi este selo da proximidade do blog amigo DIZ AÍ, da colega Lêda Maria, agradecido de coração...estou repassando para alguns amigos.

Não te esqueças que os estranhos são amigos que ainda não conheces.



3.2.09

Política atual

Uma ideia...

O Collor fez o Lula e o Bush fez Obama.

28.1.09

Origens do ódio

Fico impressionado com essas guerras no Oriente Médio e me pergunto como e quando nasceu todo esse ódio ?
Na minha opnião, e o que vejo em jornais e revista é que, o ataque a Gaza realimenta uma espiral de intolerância recíproca entre judeus e palestinos, numa região onde racismo, impulso por vingança e sede de sangue habitam porões e mentes.

Relatividade "Duas coisas são
infinitas: o universo e a estupidez humana. Mas, no que diz respeito ao
universo, ainda não adquiri certeza absoluta" (Albert Einstein ).

27.1.09

Oriente-se no mercosul

Hoje as ideias vadias estão rolando soltas. Resolvi fazer uma brincadeira com alguns lugares do mercosul, se alguém tiver outras idéias fique à vontade.
Belo Horizonte....Aqui se trabalha
Brasília.................Aqui se rouba mas se faz
Pantanal..............Aqui se pega, mata e come
Porto Alegre.......Aqui se fala grosso barbaridade
Rio de Janeiro....Aqui se faz propaganda
Salvador..............Aqui não se faz nada
São Paulo............Aqui se trampa

26.1.09

PRÊMIO DARDOS


Ganhei um prêmio!!!! Fui premiado através do site parceiro OPINE SOBRE LIVROS, vale a pena visitar!!!

21.1.09

Uma professora dedicada

Uma professora é acusada de ter estrupado um aluno 300 vezes (!) nos EUA, entre 2006 e 2008. Ela começou a abusar do garoto quando ele tinha 13 anos e teria lhe tirado a virgindade.
Casada, a loira "dava lições" ao jovem na própria casa, enquanto o maridão cochilava, literalmente.
Mas foi descoberta pelo pai do garoto.
Pobre Rapaz!

20.1.09

Cobra emblema de Esculápio

A cobra surgiu no início dos tempos, quando o nó da criação foi desatado. Figura mitológica, ela é um dos mais importantes arquétipos da alma humana e, sob esse aspecto, encarna o psiquismo mais obscuro, aquilo que é incompreensível, misterioso, profundo.
Segundo a tradição popular, é a própria representação do mal: uma criatura esguia e fria, sem patas, pêlos ou plumas, traiçoeira e perigosa, cuja picada pode matar.
A cobra é o mais fascinante dos animais e a mitologia apenas reflete essa condição. No relato bíblico, ela surge na cena do pecado original.
Na Grécia antiga, foi adotada como emblema de Esculápio, o deus da medicina, e Higéia, a deusa da saúde.
Uma cobra mordendo o próprio rabo representa a criação do mundo.
A humanidade deve muito a elas.